Saturday, November 14, 2009

Perfume Melissa, Carmem Miranda, Dita Von Teese e muito mais...

Melissa - amostra e brochura - crédito fotográfico + Q Perfume Blog
Na contagem regressiva para o lançamento do primeiro perfume da marca, vamos contar um pouco da história da fragrância.
O lançamento coincide com a comemoração do aniversário de trinta anos da marca.
Lançar um perfume é sempre um desafio, e por isso Melissa convidou, nada menos do que dois grande especialistas da perfumaria nacional e internacional para concretizar este sonho: Givaudan, uma das 5 maiores casas de fragrância do mundo, com filial também no Brasil, através de seu perfumista Claudio de Deus; e Renata Ashcar, autora do livro Brasilessência e curadora do museu do perfume em Curitiba.
Não esperem o cheiro característico das sandálias Melissas, numa versão líquida. Afinal, não faria sentido algum usar um perfume com cheiro de chiclete e bala jujuba! Tutti frutti é o cheiro característico da marca, seu logo olfativo. Mas ninguém poderia sair por aí com este cheiro. Afinal não somos crianças de 4 anos de idade!
O desafio então seria criar uma fragrância que pudesse englobar o cheirinho característico da marca, mas que fosse um perfume com a cara do Brasil, com a feminilidade da mulher brasileira, que fosse fashion e moderno ao mesmo tempo, e claro, com a cara da Melissa.
A mulher brasileira irradia feminilidade, sensualidade e graça. Somos um povo feliz e energético. Somos festeiros e espontâneos. Oferecemos o carnaval, considerada a maior festa do mundo! Colocamos na lista das top models mais famosas e mais bonitas do mundo várias mulheres brasileiras. Somos voluptuosas, cheias de curvas. Somos mulheres com M maiúsculo!
Flores de violeta - e seu cheirinho candy
Dentro deste conceito, Melissa apostou em notas olfativas vibrantes, energéticas e alegres.
Logo de saída temos a bergamota, o maracujá, folhas de violeta e um acorde aquoso.
As folhas de violeta possuem uma combinação de notas verdes e a característica nota candy (bala). Aqui, o cheirinho de bala reinou. Foi usado com muita intensidade. Conseguindo então, realizar o nosso sonho de fãs do cheirinho Melissa. A pimeira borrifada tem uma característica de bala, bem jovial. Uma brasilidade representada pelo maracujá e a energia pulsante do nosso povo em notas de bergamota.
fruta da paixão - o maracujá
As notas são muito intensas, explodem no ar com uma difusão incrível, e perduram por muito tempo. As violetas são as primeiras a serem percebidas. Mas logo em seguida o maracujá aparece, e acaba sobressaindo um pouco demais sobre as outras notas na minha pele. Mas gostei do resultado quando se funde nas violetas e no acorde aquoso. Tem um fundinho quase imperceptível de cheiro de plástico que é muito comum em perfumes com notas de violetas. Não sei se foi proposital, mas gosto desta presença plastificada. Uma representação olfativa do produto.
As notas de coração foram compostas por flores que exalam um perfume bem intenso e bem feminino: Notas de jasmim, muguet, gardênia e Ylang Yang. O efeito é bem hipnótico e muito difuso. Como diria meu amigo Luca Turin, um floral Godzilla.
O jasmim e o muguet aparecem logo em seguida das notas de cabeça, como se as envolvessem. Quando surgem, ultrapassam o maracujá, que temporariamente fica adormecido. Mas que assim que as notas de coração evaporam mas um pouco, ficando mas brandas, ele volta de novo. Desta vez menos doce, mas ácido.
O maracujá tem uma fragrância muito complicada para se trabalhar. Ele tem aquele fundinho desagradável que encontramos em outras frutas, como a manga por exemplo. Um cheirinho específico de fruta em decomposição. Algo meio fermentado, que incomoda. Aqui, no perfume de Melissa, infelizmente ele está presente. Não sei se será sentido por narizes menos treinados...
A delicadeza das formas e da alma feminina estão bem representadas por flores delicadas.
O muguet por exemplo, é um florzinha muito pequena em forma de campânula, muito sensível, e que desabrocha uma vez por ano por um tempo muito breve. É preciso milhares delas para poder obter a quantidade de óleo necessária para uso na perfumaria. Por isso seu valor é muito alto.
O Ylang Ylang está presente em muitos perfumes femininos. Produz um óleo com fragrância narcótica, muito precioso. Podendo ser destilado por várias vezes, mas somente a primeira destilação produz um óleo de valor alto no mercado, e consequentemente, uma fragrância melhor.
O jasmim é muito versátil, podendo trazer suas características mais verdes, ou mais doces e cremosas, dependendo de sua origem. Aqui ele é bem feminino, bem adocicado e cremoso.
Na minha pele a gardênia fica escondida. Eu sentiria de longe sua fragrância, pois é a minha preferida. Não consegui encontrá-la. Notem porém, que estamos falando de uma avaliação feita sobre a fragrância em contato com a minha pele. Tomara que ela apareça para vocês. Amo a combinação jasmim - gardênia! Gostaria de poder encontrá-la...
O dry down do perfume de Melissa é lento e demora a aparecer. Ou seja, você poderá desfrutar da combinação frutas e flores durante um bom tempo.
As notas de fundo trazem um acorde bem conhecido da perfumaria: âmbar, musk, sândalo e cedro. O musk sempre quando combinado com o sândalo produz um efeito cremoso e sensual de pele. São notas redondas, profundas. O cedro usado foi o vermelho.
Melissa é um perfume floral frutal. Traz felicidade e energia.
Parei para pensar sobre alguma imagem que representasse visualmente Melissa. Imediatamente pensei em garotas pin ups e em Carmem Miranda (que não deixa de ser uma pin up vintage, versão musical). Uma coisa meio anos 40-50, com um toque exótico tropical, mas sensual e cheia de laços e curvas.
O frasco é roxo. Um roxo em tom violeta bem escuro, com o nome Melissa gravado no meio, em branco. Tem um laço enorme na tampa, o que reforçou pra mim, este conceito pin up de ser. Uma irreverência ultra feminina, uma mulher sexy com senso de humor. Uma mulher de personalidade, que não tem vergonha de soltar uma gargalhada bem gostosa! Isso é o perfume de Melissa para + Q Perfume! Uma pin up com ares de Carmem Miranda.
Carmem Miranda
Soube que Dita Van Teese quando esteve recentemente em turnê pelo Brasil, foi na loja da Melissa conferir os novos lançamentos.
A pin up mais famosa do mundo contemporâneo - Dita Von Teese
Na hora já surgiu para mim a idéia da campanha publicitária para o perfume de Melissa. Dita Von Teese, ou Claudia Raia, que já posou de pin up, e é uma mulher brasileira com M maiúsculo, vestindo um corselê roxo escuro, acetinado, ou preto com reflexos roxos. Sentada numa poltrona, em seu quarto super cheio de frufrus e uma penteadeira, com o novo lançamento do verão nos pezinhos, e fazendo caras e bocas com o frasquinho na mão. Seria sensacional!!!
Melissa - lançamento de verão 2010
Melissa EDT - ficha técnica:
Fragrância: Floral-frutal
Estilo: jovial, alegre, energético, feminino, pin up.
Notas olfativas: Bergamota, folhas de violetas, maracujá, notas aquosas, jasmim, muguet, ylang ylang, gardênia, âmbar, musk, siandalo e cedro vermelho.
Lançamento: Novembro 2009
Direção de arte e desenvolvimento: Renata Ashcar
Casa de Fragrância: Givaudan - Brasil
Perfumista: Claudio de Deus
Designer de embalagem: Wilhem Liden
para mais detalhes sobre Melissa : www.melissa.com.br
para artigo + Q Perfume sobre Melissa clique aqui
A amostra do perfume que será lançado nesta próxima segunda-feira foi uma cortesia de Caroline Kubbe, da empresa de marketing digital da Melissa, GRAFIA.
Esta avaliação foi fruto de um convite muito gentil da marca em pedir a minha opinião sobre o perfume.
PIn ups - são modelos ou ícones cuja foto ou desenho são produzidos em grande escala, com forte atrativo erótico da cultura pop. A cultura das pin ups surgiu em 1940, e eram fotos e desenhos de garotas, feitas para calendários, que eram pendurados nas paredes. Daí o nome pin up (pendurar). Muitas celebridades e sex symbols foram pin up de sua época.
As pin ups mais famosas dos anos 2000 são Dita Von Teese, Kat Von D, Beth Ditto e Pitty.
A cantora Amy Winehouse é uma versão pós noitada/porre/muitas drogas e briga com o gato de uma pin up.

7 comments:

Moisés Lara said...

Oi Simone, adorei o artigo, até consegui sentir a fragrância!
Curioso você falar da gardênia, que não aparece na sua pele, porque estou enfrentando problema semelhante com algumas fragrâncias que são maravilhosas na fita olfativa, mas em minha pele metade do bouquet não se manifesta!!

Um grande abraço!

+ Q Perfume Blog said...

Fragrâncias maravilhosas na fita são falsas promessas. Papel e pele humana snao quimicamente totalmente diferentes não é mesmo? QQ química básica de escola serve para tirar esta conclusão :-)
Notas escondidas são realmente um problema em alguns perfumes. Geralmente as gardênias se desenvolvem muito bem na minha pele, já a íris não. Aquele perfume de íris da Prada fica simplesmente um horror na minha pele, e ótimo na fita.
Mas eu acabei achando perfumes em que a íris se desenvolveu muito bem. Profumum Roma é uma das marcas. Acho que tudo é uma questão de marca da matéria prima, quantidade e combinacnao no acorde.
Fico feliz que vc gostou do artigo!! O pessoal da Melissa tb gostou muito. Fiquei super contente com os elogios deles!! mais um motivo para continuármos nosso trabalho não é?
Beijos Simone

Manu said...

Oi Simone, adorei a matéria. Bem completa a análise. Muito boa!
bjs, manu

Garota Melissa said...

Um blog fresquinho sobre Melissa.

http://garotamelissa.blogspot.com/

Feito por Melisseiras e para Melisseiras!

+ Q Perfume Blog said...

Fui visitar seu blog! D+, super bacana.
Eu amo melissa, tenho atualmente 4 no armário, de vearios modelos e cores.
Que bom poder entrar no seu mundo. Seja bem vinda no meu!!!!

beijo de tutti-frutti
Simone

skin care products said...

it is a very nice post

Natural skin care products said...

It is a very nice post

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...