Tuesday, September 29, 2009

As rosas são eternas

Sempre quis escrever sobre rosas, pois elas sempre estiveram presentes na minha vida. Minha mãe sempre plantou rosas em seu jardim, e nossa casa viveu enfeitada com elas. Minhas rosas preferidas são as amarelas, alegres e vibrantes, e as rosas champagne, delicadamente românticas.

Sentir o frescor levemente doce de uma rosa úmida por gotas de orvalho, nas primeiras horas da manhã foi um privilégio, e que hoje guardo como parte das memórias da minha infância.

Versáteis, as rosas são símbolo do amor e da paixão: conta a Mitologia que Afrodite, ao tentar socorrer Adônis, a sua paixão, se feriu nos espinhos das rosas brancas, que se tornaram vermelhas quando seu sangue respingou. Desde então as rosas vermelhas se tornaram o símbolo da paixão e do amor.

As rosas permitem aos amantes confessar seus desejos e exteriorizar seus sentimentos. Ajudam a fazer as pazes e a pedir desculpas. Estão muito presentes em cerimônias de casamento por serem também símbolo da união.

Porém as rosas já simbolizaram a guerra e a separação. Guerras foram batizadas com o seu nome, e sua imagem já estampou escudos e enfeitou guerreiros. A guerra dos 100 anos ou das Duas Rosas, como o próprio nome diz, durou 100 anos, na briga pelo trono da Inglaterra entre os Yorks (as rosas brancas eram seu símbolo)e os Lancasters (cujo o símbolo eram rosas vermelhas). Após a aliança do rei Henrique com a rainha Elizabete de York, formou-se o reino dos Tudors. Ambas as rosas vermelhas e as brancas foram adotadas como o símbolo do reino (e a rosa híbrida de brancas e vermelhas - uma rosa malhada, foi nomeada de Tudor pelos seus criadores).

As rosas também estão presentes nos funerais, e conferem conforto aos enlutados, como se tivessem tentando amenizar a dor da separação e espantar o cheiro da morte.

As rosas são líricas. Estão presentes em poemas e na Literatura Clássica; assim como são tema de canções infantis e de roda.

A verdade é que as rosas estão presentes a milhares de anos, e conquistaram o título de a Rainha das Flores.

Segundo os especialistas, fósseis de rosas evidenciam que elas existem a 40 milhões de anos, porém, a análise do DNA de rosas atuais comprovam que a sua existência é bem mais remota, e que sua deve ter começado a 200 milhões de anos.

Provavelmente, o seu cultivo começou na China durante a dinastia Shen Nung, entre os anos 2737 e 2697 a.c. Seu cultivo tornou-se popular em torno de 500 anos antes de Cristo e foi relatado por Confúcio, que escreveu sobre os jardins de rosas de Pequim. Segundo ele, naquela época a China já possuía mais de 600 livros sobre o cultivo dessas flores. Os chineses foram também os primeiros a descobrir as propriedades medicinais das rosas.

As rosas também encantavam no Mediterrâneo. Os romanos que eram grande admiradores e acreditavam no seu poder de rejuvenescer e curar.

No séc XII as rosas chegam na Europa. Conquistaram o coração da imperatriz Josephine, esposa de Napoleão Bonaparte que organizou a primeira coleção internacional de rosas com mais de 2562 espécies. Ela também ordenou a pintura de vários quadros que retratavam fielmente a beleza das espécies cultivadas. No Brasil elas chegaram com os jesuítas em 1560.

As rosas estão presentes na culinária desde o séc. X, servindo de aromatizante para biscoitos, bolos, molhos para carne e peixes, chás, conservas e geléias.

O óleo de rosas possui propriedades antidepressivas e relaxantes. Alivia processos doloridos de perda, luto e estresse. Aumenta a autoconfiança e ajuda a aguçar a sexualidade.

Devido ao fato de a água de rosas ser bactericida, rejuvenescedora, hidratante e combatente de micro vasinhos que aparecem na pele, é muito usada em cosméticos. As rosas são realmente versáteis!

E foi na beleza das rosas que encontrei conforto.

Fases de transição não são muito o meu forte. A falta de resultado visível ou o acúmulo de expectativas por vezes me deixam desgastada. Ter que abdicar de sonhos e repensar o futuro fragilizaram a minha estrutura e abalaram meus pensamentos. Parecia que a nuvem cinza não queria sair de cima da minha cabeça. Além de traçar um plano de metas e agir, ao invés de se lamentar, ou seja, toda aquela estratégia que todo livro de auto-ajuda propõe e que todos amigos e familiares recitam, pedi conforto nas minhas queridas rosas.

Coincidentemente ou como uma mágica (para aqueles que são místicos e acreditam em forças inexplicáveis) o pedido foi ouvido na França.

Denis Gutsatz me mandou um e-mail muito carinhoso apresentando sua marca - Un jardin Retrouvé.

Seu pai, o perfumista Yuri Gutsatz, que no passado trabalhou anonimamente, apesar de trabalhar durante décadas com renomadas empresas de fragrâncias, resolveu sair da sombra, e criar uma marca própria em 1975. Seus perfumes, apesar de modernos, são produzidos de forma artesanal, respeitando as técnicas clássicas de perfumaria francesa. A marca, segundo o e-mail, está completando 35 anos e resolveu oferecer a seus clientes os preços originais daquele ano. (achei a proposta muito criativa).

Pouco tempo depois recebi pelo correio um conjunto olfativo de perfumes variados de presente, enviado por Denis. Qual a minha surpresa ao abrir o pacote e encontrar TRÊS fragrâncias de rosas!! “Se você não vai ao perfume, o perfume irá a você!” Pensei animada. Durante duas semanas fiquei explorando a naturalidade dos perfumes do Sr. Gutsatz. Mas meu coração pedia rosas. Rosas ternas, delicadas, naturais e bem estruturadas.

Rosas românticas: Rose de Mai EDP de Le Jardin Retrouvé. Perfume romântico e exuberante, com notas de rosas de maio e rosa damascena. clique aqui para pedido de amostras

Rosas delicadas: Rose Thé EDP de Le Jardin Retrouvé. Fragrância deliciosamente feminina, envolvente e verdadeira. A fragrância inconfundível da Rosa Chá, com toques adocicados de musk e notas de saída ligeramente verdes. clique aqui para pedido de amostras.

Rosas dançantes: Em 1952 Yuri Gutsatz criou um fragrância para acompanhar o segundo ato da Ópera-ballet Lês Indes Galantes de Rameau (chamado o ballet das flores). O perfume foi nomeado Apparition de La Rose, e foi a inspiração para criação de Rose Opéra. Uma fragrância de rosas de tons marcantes e adocicados. clique aqui para pedido de amostras.

Passei dias cheirando meu próprio pulso e me encantei com a naturalidade das notas e com o capricho da criação. A rosas me acompanharam dia e noite, e pouco a pouco voltei a sorrir espantando a nuvem com um sopro forte e determinado.

Rose Thé, ou rosa chá é a minha preferida entre os três perfumes. Mas dias mais cinzas requereram Rose Opéra, mais intenso, mais envolvente, quase hipnótico. Dias de carência convidaram Rose de Mai a segurar a minha mão. Foi uma verdadeira experiência sensorial que modificou o emocional. Os perfumes de Un Jardin Retrouvé trouxeram um pedaço da França para dentro de casa. Um gesto de carinho da marca que ficará registrada no coração e nos arquivos deste blog.

Rosas em outros frascos...

Rosas clássicas: La Rose de Rosine de Les Parfums de Rosine. Formosa, aveludada, polvilhada em talco, feminina e clássica. Com notas de violeta. Ylang Ylang, rosas, attar de rosas da Turquia, Grasse e Bulgária, jasmim, íris, fava tonka, benjoim e bálsamo do Perú.

Rosas dramática: Rossy de Palma – Etat Libre D’Orange (clique para a avaliação aqui). Picante, provocante e espermática.

Rosas bombásticas: Paris EDP/EDT- YSL – notas de violeta, bergamota, rosa, íris, sândalo e vetiver. Rosas gigantes e multi coloridas.

Rosas elegantes: Bvlgari Rose Essentielle EDP/EDT – Bvlgari – folhas de violetas, rosa de Ottoman, rosa prelúdio, mirtilo, mimosa, Jasmim Sambac, patchouli, musk, sândalo. Luxuosa e voluptuosa com aura elegante.

Rosas retrô: Drôle de Rose EDT – L’Artisan Parfumeur – notas de rosas, sememtes de anis, flor de laranjeira, íris branca, violeta, amêndoas, mel e couro. Sofisticada, levemente atalcada, moderna com toque retrô e muito charmosa.

Rosas modernas: Brulure de Rose EDP – Parfumerie Generale. Rosas com estilo urbano. Toques metálicos, frescos e esverdeados. Notas de âmbar, cacau, vanilla, pau rosa, rosa.

Rosas artísticas: Winter Rose Óleo de Perfume- Yosh – Edição Limitada – notas de Absoluto de Rosa e cardamomo. Especiada e mística.

Rosas que dão água na boca: Red Rose EDT – Comme de Garçons – notas de polpa de amoras, pimenta rosa, gerânio, Absoluto de Rosas Búlgaras e essência de rosa do Marrocos. Radiante, frutal e muito exuberante.

Rosas masculinas: Rose 31 EDP – Le Labo – notas de rosas de Grasse, pimenta, cravo, noz moscada, cedro, âmbar, vetiver, madeiras Guaiac e Oud, vetiver e notas animais. Uma rosa ligeiramente masculina, porém delicada. Elegante, moderna e charmosa.

Rosas apimentadas: Rose Poivrée EDT – The Different Company - notas de pimenta, coentro, Rosa de Damasco, Rosa, Vetiver e civeta. Sensual, misteriosa e com toques verdes.

Rosas esfumaçadas: Incense Rosé EDP – Tauer Parfums – notes de clementina, bergamota, castor, rosa búlgara, orris, cedro texano, incenso, ládano, mirra, patchouli, ambergris. Um toque de antiguidade no ar, uma rosa que guarda um segredo, uma memória.

Rosas no banho: Óleo para banho Red Roses de Joe malone

Rosas de ambiente: Vela com fragrância de rosas e gerânios de Dipytque

Minhas fotos preferidas!

Curiosidades...

Rosas e a mitologia: As rosas aparecem na Ilíada de Homero, na narrativa da Guerra de Tróia, conta que Aquiles decorava seu escudo com rosas ao assassinar Hector, o filho do rei. Seu corpo então foi untado com oléo de rosas por Afrodite, a deusa do amor.

Rosas e a religião: As rosas brancas são relacionadas a Virgem Maria. O rosário se chama assim pois originalmente era feito de 150 rosas arrumadas em um fio.

Rosas e a política: os Romanos colocavam rosas em suas portas para anunciar reuniões cujos assuntos eram secretos./Alguns partidos socialistas e usaram as rosas como símbolo e os protestantes em maio de 68 em Paris usavam rosas vermelhas como broches.

Rosas e o cinema: rosas no tema – Days of Wine and Roses com Jack Lemon; The Purple Rose of Cairo com Jeff Daniels e Mia Farrow; The war of the roses com Michael Douglas, Kathleen Turner e Danny DeVitto; The Rose com Bette Midler; The name of the rose com Sean Connery; Rose Red de Stephen King; Bed of roses com Christian Slater.

E cenas que marcaram (com rosas) – American Beauty com Kevin Spacey; Serendipty com John Cusack.

Rosas Gourmets

Receita de geléia de rosas:

1 xíc. de pétalas de rosas bem lavadas

1 xíc. de açúcar

1 xíc. de água

suco de um limão

Modo de fazer: coloque os ingredientes numa panela em banho maria e cozinhe até as pétalas ficarem com consistência de geléia. Deixe esfriar e coloque num recipiente préviamente esterelizado.

Outras Rosas e a culinária: licor de rosas, pão de rosas, chá de rosas, água de rosas, macarons de rosas...
Rosa Musical:
Une Rose qui chante - uma rosa que canta!
Posters Vintage de rosas
Crédito de fotos: marcas; allposters.com (posters vintage)

3 comments:

Anonymous said...

I am from Taiwan! Si vous voulez visiter Taiwan, bienvenue sur mon site et des visites Zhijiao, je vais proposer divers types de visites guidées et visites guidées ...

I am from Taiwan! If you want to visit Taiwan, welcome to my site visits and Zhijiao, I will provide various guided tours and guided tours .

Ich komme aus Taiwan! Wenn Sie nach Taiwan besuchen möchten, herzlich willkommen auf meiner Besuche vor Ort und Zhijiao, werde ich verschiedene geführte Touren bieten und Führungen ...

高雄旅遊
墾丁旅遊
阿里山旅遊
日月潭旅遊
清境旅遊
包車旅遊
高雄一日遊
墾丁一日遊
台南一日遊
租車旅遊

Anonymous said...

電波拉皮歐化廚具
外籍新娘果凍矽膠
流行服飾室內設計
汽車旅館日光花園
法拍屋隔熱紙
雙眼皮新彩整形
大陸新娘高雄租車
中秋禮盒肉毒桿菌
瑜珈教室高雄旅遊
保健食品乳酪蛋糕
台中住宿墾丁旅遊
整形外科首頁科技

Anonymous said...

People can not Guanzhuziji life, nor can block the dates of death, so that my human live forever. Since the lives to come to such a capricious, we should make good care of it, use it to enrich it, so that the capricious, and precious lives, distributing its sublime glory, reflecting the real value of life.
讓網路行銷SEO團隊告訴您~以下各種網路行銷資訊
網路行銷
關鍵字
關鍵字廣告
關鍵字行銷
seo
網路排名
網站優化
自然搜尋

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...